#preservacaoambiental Instagram Photos & Videos

preservacaoambiental - 13.5k posts

Top Posts

Advertisements

Advertisements

  • The most important thing we can do is inspire young minds and to advance the kind of science, math and technology education that will help youngsters take us to the next phase of space travel. — John Glenn

Wonderful caption posted by @natureza_impressionante
______

Have a nice day everyone ✌️ Follow @stunninggalapagosislands for more and use #stunninggalapagosislands to share your posts with us, awesome pic is coming soon.
______
  • The most important thing we can do is inspire young minds and to advance the kind of science, math and technology education that will help youngsters take us to the next phase of space travel. — John Glenn

    Wonderful caption posted by @natureza_impressionante
    ______

    Have a nice day everyone ✌️ Follow @stunninggalapagosislands for more and use #stunninggalapagosislands to share your posts with us, awesome pic is coming soon.
    ______
  • 549 7 16 March, 2019
  • 💚Quantos likes essa fofura merece? 💚😍 🐢
  • 💚Quantos likes essa fofura merece? 💚😍 🐢
  • 572 9 8 April, 2019

Advertisements

Latest Instagram Posts

Advertisements

Advertisements

  • Mais uma linda edição❤️❤️!!! #Repost @revistameubebe with @get_repost
・・・
Já está circulando a nova edição da revista com essa capa incrível e especial. Mas, se você ainda não garantiu o seu exemplar e está ansioso para ler a matéria logoooo acesse o link da revista digital aqui na bio e confira uma entrevista exclusiva com o artista @carlinhosbrownoficial . 
Ele conta tudo sobre seu novo projeto de Pertencimento Ambiental. Brown sempre atento e preocupado com as questões do meio ambiente, criou os indiozinhos Paxuá e Paramim para juntos incentivarem crianças e pais a se preocuparem e cuidarem mais do meio ambiente. Em parceria com a mestre em educação pela Universidade do Estado do Amazonas, Priscilla Morhy, eles prepararam cartilhas para os pequenos e também para os professores, mesclando literatura infantil e questões socioambientais. 
A tecnologia também está presente. Brown compôs músicas inéditas para o projeto e cada cartilha possui um QRCode que dá acesso aos clipes musicais. Os pequenos vão amar! Não vou contar mais... Acesse agora e confira a entrevista exclusiva e saiba tudo sobre esse projeto lindo e inovador!  Conheçam os personagens: @paxuaeparamim 
Foto: @dodovillar 
Entrevista: @patricia_valho e @yedacnunes 
Edição: @yedacnunes 
Make: @beespaday 
Direção de arte: @leandromaia 
#carlinhosbrown #paxuaeparamim #revistameubebe 
#preservacaoambiental #meioambiente #infancia
  • Mais uma linda edição❤️❤️!!! #Repost @revistameubebe with @get_repost
    ・・・
    Já está circulando a nova edição da revista com essa capa incrível e especial. Mas, se você ainda não garantiu o seu exemplar e está ansioso para ler a matéria logoooo acesse o link da revista digital aqui na bio e confira uma entrevista exclusiva com o artista @carlinhosbrownoficial .
    Ele conta tudo sobre seu novo projeto de Pertencimento Ambiental. Brown sempre atento e preocupado com as questões do meio ambiente, criou os indiozinhos Paxuá e Paramim para juntos incentivarem crianças e pais a se preocuparem e cuidarem mais do meio ambiente. Em parceria com a mestre em educação pela Universidade do Estado do Amazonas, Priscilla Morhy, eles prepararam cartilhas para os pequenos e também para os professores, mesclando literatura infantil e questões socioambientais.
    A tecnologia também está presente. Brown compôs músicas inéditas para o projeto e cada cartilha possui um QRCode que dá acesso aos clipes musicais. Os pequenos vão amar! Não vou contar mais... Acesse agora e confira a entrevista exclusiva e saiba tudo sobre esse projeto lindo e inovador! Conheçam os personagens: @paxuaeparamim
    Foto: @dodovillar
    Entrevista: @patricia_valho e @yedacnunes
    Edição: @yedacnunes
    Make: @beespaday
    Direção de arte: @leandromaia
    #carlinhosbrown #paxuaeparamim #revistameubebe
    #preservacaoambiental #meioambiente #infancia
  • 59 3 8 hours ago

Advertisements

Advertisements

  • Compromisso INADIÁVEL, galera!
  • Compromisso INADIÁVEL, galera!
  • 19 1 21 hours ago

Advertisements

  • ⚠️SALVE O PLANETA! SALVE PORTO DE GALINHAS! FORA ARENA PORTO!🙏🏼🦀🐢 .
É AMANHÃ o ATO contra a construção da ARENA PORTO! 
Quem não tiver transporte para ir, a BIKE PORTO está disponibilizando bikes gratuitamente!🤜🏻👊🏻
"Esta imagem feita pela @gopromaraca não deixa dúvidas sobre o crime ambiental cometido! Essa imagem nos inspirou a explicar técnica-cientificamente o porque que a Prefeitura de Ipojuca não pode dar licenças sobre esse tipo de ecossistema e porque que esse aterro deve ser retirado imediatamente:

Os depósitos fluviomarinhos holocênicos compreendem acumulações de areias, siltes, argilas e cascalhos feitas em planícies de foz de rios na região costeira, em áreas sujeitas à influência das marés, podendo incluir terraços pré-holocênicos arenosos e argilo-arenosos. As áreas mais expressivas desses depósitos na costa amazônica do Maranhão encontram-se na foz dos rios Mearim e Pericumã, respectivamente a sul-sudoeste e oeste da capital São Luís. Essas duas áreas ocorrem adjacentes aos depósitos de mangues e mantêm contato transicional para as planícies tipicamente fluviais e/ou fluviolacustres de montante. Elas se distinguem dos manguezais pela cobertura vegetal herbáceo-graminosa, mais baixa e o aspecto geral de pântanos. Esses depósitos incluem muita matéria orgânica, com restos vegetais e conchas. Por correlação com ambientes similares descritos por Dominguez et al (1990) na costa de Pernambuco pode-se admitir que essas áreas contenham depósitos de origem lagunar-estuariana resultantes do afogamento dos vales da região costeira por transgressões marinhas quaternárias, sendo que a última mencionada por estes autores foi datada entre 5.000 - 6.000 anos atrás.

Em resumo: está é uma área de influência de marés, competência Estadual e Federal, e também, por ser área de influência de marés precisa permanecer livre de aterros!! VAMOS TODOS PARTICIPAR! SOMOS MAIS FORTES JUNTOS!💪🏻"
Texto @salvemaracaipe
.
#foraarenaporto #portodegalinhas #salveoplaneta #preservacaoambiental #ecossistema #mangueevida #maracaipebeach #gopromaraca #bikeporto #salvemaracaipe #eco #meioambiente #natureza #ecologia #fauna #flora #goprobr #ecofotofernandobrito
  • ⚠️SALVE O PLANETA! SALVE PORTO DE GALINHAS! FORA ARENA PORTO!🙏🏼🦀🐢 .
    É AMANHÃ o ATO contra a construção da ARENA PORTO!
    Quem não tiver transporte para ir, a BIKE PORTO está disponibilizando bikes gratuitamente!🤜🏻👊🏻
    "Esta imagem feita pela @gopromaraca não deixa dúvidas sobre o crime ambiental cometido! Essa imagem nos inspirou a explicar técnica-cientificamente o porque que a Prefeitura de Ipojuca não pode dar licenças sobre esse tipo de ecossistema e porque que esse aterro deve ser retirado imediatamente:

    Os depósitos fluviomarinhos holocênicos compreendem acumulações de areias, siltes, argilas e cascalhos feitas em planícies de foz de rios na região costeira, em áreas sujeitas à influência das marés, podendo incluir terraços pré-holocênicos arenosos e argilo-arenosos. As áreas mais expressivas desses depósitos na costa amazônica do Maranhão encontram-se na foz dos rios Mearim e Pericumã, respectivamente a sul-sudoeste e oeste da capital São Luís. Essas duas áreas ocorrem adjacentes aos depósitos de mangues e mantêm contato transicional para as planícies tipicamente fluviais e/ou fluviolacustres de montante. Elas se distinguem dos manguezais pela cobertura vegetal herbáceo-graminosa, mais baixa e o aspecto geral de pântanos. Esses depósitos incluem muita matéria orgânica, com restos vegetais e conchas. Por correlação com ambientes similares descritos por Dominguez et al (1990) na costa de Pernambuco pode-se admitir que essas áreas contenham depósitos de origem lagunar-estuariana resultantes do afogamento dos vales da região costeira por transgressões marinhas quaternárias, sendo que a última mencionada por estes autores foi datada entre 5.000 - 6.000 anos atrás.

    Em resumo: está é uma área de influência de marés, competência Estadual e Federal, e também, por ser área de influência de marés precisa permanecer livre de aterros!! VAMOS TODOS PARTICIPAR! SOMOS MAIS FORTES JUNTOS!💪🏻"
    Texto @salvemaracaipe
    .
    #foraarenaporto #portodegalinhas #salveoplaneta #preservacaoambiental #ecossistema #mangueevida #maracaipebeach #gopromaraca #bikeporto #salvemaracaipe #eco #meioambiente #natureza #ecologia #fauna #flora #goprobr #ecofotofernandobrito
  • 91 4 19 April, 2019
  • ⚠️SALVE O PLANETA! SALVE PORTO DE GALINHAS! FORA ARENA PORTO!🙏🏼🌊🦀🐢 É AMANHÃ o ATO contra a construção da ARENA PORTO! Quem não tiver transporte para ir, a BIKE PORTO está disponibilizando bikes gratuitamente!🤜🏻👊🏻
Esta imagem feita pela @gopromaraca não deixa dúvidas sobre o crime ambiental cometido! Essa imagem nos inspirou a explicar técnica-cientificamente o porque que a Prefeitura de Ipojuca não pode dar licenças sobre esse tipo de ecossistema e porque que esse aterro deve ser retirado imediatamente:

Os depósitos fluviomarinhos holocênicos compreendem acumulações de areias, siltes, argilas e cascalhos feitas em planícies de foz de rios na região costeira, em áreas sujeitas à influência das marés, podendo incluir terraços pré-holocênicos arenosos e argilo-arenosos. As áreas mais expressivas desses depósitos na costa amazônica do Maranhão encontram-se na foz dos rios Mearim e Pericumã, respectivamente a sul-sudoeste e oeste da capital São Luís. Essas duas áreas ocorrem adjacentes aos depósitos de mangues e mantêm contato transicional para as planícies tipicamente fluviais e/ou fluviolacustres de montante. Elas se distinguem dos manguezais pela cobertura vegetal herbáceo-graminosa, mais baixa e o aspecto geral de pântanos. Esses depósitos incluem muita matéria orgânica, com restos vegetais e conchas. Por correlação com ambientes similares descritos por Dominguez et al (1990) na costa de Pernambuco pode-se admitir que essas áreas contenham depósitos de origem lagunar-estuariana resultantes do afogamento dos vales da região costeira por transgressões marinhas quaternárias, sendo que a última mencionada por estes autores foi datada entre 5.000 - 6.000 anos atrás.

Em resumo: está é uma área de influência de marés, competência Estadual e Federal, e também, por ser área de influência de marés precisa permanecer livre de aterros!! VAMOS TODOS PARTICIPAR! SOMOS MAIS FORTES JUNTOS!👊🏻💪🏻
Texto by @salvemaracaipe .
#foraarenaporto #portodegalinhas #salveoplaneta #preservacaoambiental #ecossistema #mangueevida #maracaipebeach #gopromaraca #bikeporto #salvemaracaipe #eco #meioambiente #natureza #ecologia #fauna #flora #goprobr #ecofotofernandobrito #biodiversidade
  • ⚠️SALVE O PLANETA! SALVE PORTO DE GALINHAS! FORA ARENA PORTO!🙏🏼🌊🦀🐢 É AMANHÃ o ATO contra a construção da ARENA PORTO! Quem não tiver transporte para ir, a BIKE PORTO está disponibilizando bikes gratuitamente!🤜🏻👊🏻
    Esta imagem feita pela @gopromaraca não deixa dúvidas sobre o crime ambiental cometido! Essa imagem nos inspirou a explicar técnica-cientificamente o porque que a Prefeitura de Ipojuca não pode dar licenças sobre esse tipo de ecossistema e porque que esse aterro deve ser retirado imediatamente:

    Os depósitos fluviomarinhos holocênicos compreendem acumulações de areias, siltes, argilas e cascalhos feitas em planícies de foz de rios na região costeira, em áreas sujeitas à influência das marés, podendo incluir terraços pré-holocênicos arenosos e argilo-arenosos. As áreas mais expressivas desses depósitos na costa amazônica do Maranhão encontram-se na foz dos rios Mearim e Pericumã, respectivamente a sul-sudoeste e oeste da capital São Luís. Essas duas áreas ocorrem adjacentes aos depósitos de mangues e mantêm contato transicional para as planícies tipicamente fluviais e/ou fluviolacustres de montante. Elas se distinguem dos manguezais pela cobertura vegetal herbáceo-graminosa, mais baixa e o aspecto geral de pântanos. Esses depósitos incluem muita matéria orgânica, com restos vegetais e conchas. Por correlação com ambientes similares descritos por Dominguez et al (1990) na costa de Pernambuco pode-se admitir que essas áreas contenham depósitos de origem lagunar-estuariana resultantes do afogamento dos vales da região costeira por transgressões marinhas quaternárias, sendo que a última mencionada por estes autores foi datada entre 5.000 - 6.000 anos atrás.

    Em resumo: está é uma área de influência de marés, competência Estadual e Federal, e também, por ser área de influência de marés precisa permanecer livre de aterros!! VAMOS TODOS PARTICIPAR! SOMOS MAIS FORTES JUNTOS!👊🏻💪🏻
    Texto by @salvemaracaipe .
    #foraarenaporto #portodegalinhas #salveoplaneta #preservacaoambiental #ecossistema #mangueevida #maracaipebeach #gopromaraca #bikeporto #salvemaracaipe #eco #meioambiente #natureza #ecologia #fauna #flora #goprobr #ecofotofernandobrito #biodiversidade
  • 31 0 19 April, 2019
  • ⚠️SALVE O PLANETA! SALVE PORTO DE GALINHAS! FORA ARENA PORTO!🙏🏼🌊🦀🐢
.
É AMANHÃ o ATO contra a construção da ARENA PORTO! Quem não tiver transporte para ir, a BIKE PORTO está disponibilizando bikes gratuitamente!🤜🏻👊🏻
Esta imagem feita pela @gopromaraca não deixa dúvidas sobre o crime ambiental cometido! Essa imagem nos inspirou a explicar técnica-cientificamente o porque que a Prefeitura de Ipojuca não pode dar licenças sobre esse tipo de ecossistema e porque que esse aterro deve ser retirado imediatamente:

Os depósitos fluviomarinhos holocênicos compreendem acumulações de areias, siltes, argilas e cascalhos feitas em planícies de foz de rios na região costeira, em áreas sujeitas à influência das marés, podendo incluir terraços pré-holocênicos arenosos e argilo-arenosos. As áreas mais expressivas desses depósitos na costa amazônica do Maranhão encontram-se na foz dos rios Mearim e Pericumã, respectivamente a sul-sudoeste e oeste da capital São Luís. Essas duas áreas ocorrem adjacentes aos depósitos de mangues e mantêm contato transicional para as planícies tipicamente fluviais e/ou fluviolacustres de montante. Elas se distinguem dos manguezais pela cobertura vegetal herbáceo-graminosa, mais baixa e o aspecto geral de pântanos. Esses depósitos incluem muita matéria orgânica, com restos vegetais e conchas. Por correlação com ambientes similares descritos por Dominguez et al (1990) na costa de Pernambuco pode-se admitir que essas áreas contenham depósitos de origem lagunar-estuariana resultantes do afogamento dos vales da região costeira por transgressões marinhas quaternárias, sendo que a última mencionada por estes autores foi datada entre 5.000 - 6.000 anos atrás.

Em resumo: está é uma área de influência de marés, competência Estadual e Federal, e também, por ser área de influência de marés precisa permanecer livre de aterros!! VAMOS TODOS PARTICIPAR! SOMOS MAIS FORTES JUNTOS!👊🏻💪🏻
Texto by @salvemaracaipe
.

#foraarenaporto #portodegalinhas #salveoplaneta #preservacaoambiental #ecossistema #mangueevida #maracaipebeach #gopromaraca #bikeporto #salvemaracaipe #eco #meioambiente #natureza #ecologia #fauna #flora #goprobr #ecofotofernandobrito #biodiversidade
  • ⚠️SALVE O PLANETA! SALVE PORTO DE GALINHAS! FORA ARENA PORTO!🙏🏼🌊🦀🐢
    .
    É AMANHÃ o ATO contra a construção da ARENA PORTO! Quem não tiver transporte para ir, a BIKE PORTO está disponibilizando bikes gratuitamente!🤜🏻👊🏻
    Esta imagem feita pela @gopromaraca não deixa dúvidas sobre o crime ambiental cometido! Essa imagem nos inspirou a explicar técnica-cientificamente o porque que a Prefeitura de Ipojuca não pode dar licenças sobre esse tipo de ecossistema e porque que esse aterro deve ser retirado imediatamente:

    Os depósitos fluviomarinhos holocênicos compreendem acumulações de areias, siltes, argilas e cascalhos feitas em planícies de foz de rios na região costeira, em áreas sujeitas à influência das marés, podendo incluir terraços pré-holocênicos arenosos e argilo-arenosos. As áreas mais expressivas desses depósitos na costa amazônica do Maranhão encontram-se na foz dos rios Mearim e Pericumã, respectivamente a sul-sudoeste e oeste da capital São Luís. Essas duas áreas ocorrem adjacentes aos depósitos de mangues e mantêm contato transicional para as planícies tipicamente fluviais e/ou fluviolacustres de montante. Elas se distinguem dos manguezais pela cobertura vegetal herbáceo-graminosa, mais baixa e o aspecto geral de pântanos. Esses depósitos incluem muita matéria orgânica, com restos vegetais e conchas. Por correlação com ambientes similares descritos por Dominguez et al (1990) na costa de Pernambuco pode-se admitir que essas áreas contenham depósitos de origem lagunar-estuariana resultantes do afogamento dos vales da região costeira por transgressões marinhas quaternárias, sendo que a última mencionada por estes autores foi datada entre 5.000 - 6.000 anos atrás.

    Em resumo: está é uma área de influência de marés, competência Estadual e Federal, e também, por ser área de influência de marés precisa permanecer livre de aterros!! VAMOS TODOS PARTICIPAR! SOMOS MAIS FORTES JUNTOS!👊🏻💪🏻
    Texto by @salvemaracaipe
    .

    #foraarenaporto #portodegalinhas #salveoplaneta #preservacaoambiental #ecossistema #mangueevida #maracaipebeach #gopromaraca #bikeporto #salvemaracaipe #eco #meioambiente #natureza #ecologia #fauna #flora #goprobr #ecofotofernandobrito #biodiversidade
  • 43 7 19 April, 2019
  • ⚠️SALVE O PLANETA! SALVE PORTO DE GALINHAS! FORA ARENA PORTO!🙏🏼🌊🦀🐢 É AMANHÃ o ATO contra a construção da ARENA PORTO! Quem não tiver transporte para ir, a BIKE PORTO está disponibilizando bikes gratuitamente!🤜🏻👊🏻
Esta imagem feita pela @gopromaraca não deixa dúvidas sobre o crime ambiental cometido! Essa imagem nos inspirou a explicar técnica-cientificamente o porque que a Prefeitura de Ipojuca não pode dar licenças sobre esse tipo de ecossistema e porque que esse aterro deve ser retirado imediatamente:

Os depósitos fluviomarinhos holocênicos compreendem acumulações de areias, siltes, argilas e cascalhos feitas em planícies de foz de rios na região costeira, em áreas sujeitas à influência das marés, podendo incluir terraços pré-holocênicos arenosos e argilo-arenosos. As áreas mais expressivas desses depósitos na costa amazônica do Maranhão encontram-se na foz dos rios Mearim e Pericumã, respectivamente a sul-sudoeste e oeste da capital São Luís. Essas duas áreas ocorrem adjacentes aos depósitos de mangues e mantêm contato transicional para as planícies tipicamente fluviais e/ou fluviolacustres de montante. Elas se distinguem dos manguezais pela cobertura vegetal herbáceo-graminosa, mais baixa e o aspecto geral de pântanos. Esses depósitos incluem muita matéria orgânica, com restos vegetais e conchas. Por correlação com ambientes similares descritos por Dominguez et al (1990) na costa de Pernambuco pode-se admitir que essas áreas contenham depósitos de origem lagunar-estuariana resultantes do afogamento dos vales da região costeira por transgressões marinhas quaternárias, sendo que a última mencionada por estes autores foi datada entre 5.000 - 6.000 anos atrás.

Em resumo: está é uma área de influência de marés, competência Estadual e Federal, e também, por ser área de influência de marés precisa permanecer livre de aterros!! VAMOS TODOS PARTICIPAR! SOMOS MAIS FORTES JUNTOS!👊🏻💪🏻
Texto by @salvemaracaipe .
#foraarenaporto #portodegalinhas #salveoplaneta #preservacaoambiental #ecossistema #mangueevida #maracaipebeach #gopromaraca #bikeporto #salvemaracaipe #eco #meioambiente #natureza #ecologia #fauna #flora #goprobr #ecofotofernandobrito #biodiversidade
  • ⚠️SALVE O PLANETA! SALVE PORTO DE GALINHAS! FORA ARENA PORTO!🙏🏼🌊🦀🐢 É AMANHÃ o ATO contra a construção da ARENA PORTO! Quem não tiver transporte para ir, a BIKE PORTO está disponibilizando bikes gratuitamente!🤜🏻👊🏻
    Esta imagem feita pela @gopromaraca não deixa dúvidas sobre o crime ambiental cometido! Essa imagem nos inspirou a explicar técnica-cientificamente o porque que a Prefeitura de Ipojuca não pode dar licenças sobre esse tipo de ecossistema e porque que esse aterro deve ser retirado imediatamente:

    Os depósitos fluviomarinhos holocênicos compreendem acumulações de areias, siltes, argilas e cascalhos feitas em planícies de foz de rios na região costeira, em áreas sujeitas à influência das marés, podendo incluir terraços pré-holocênicos arenosos e argilo-arenosos. As áreas mais expressivas desses depósitos na costa amazônica do Maranhão encontram-se na foz dos rios Mearim e Pericumã, respectivamente a sul-sudoeste e oeste da capital São Luís. Essas duas áreas ocorrem adjacentes aos depósitos de mangues e mantêm contato transicional para as planícies tipicamente fluviais e/ou fluviolacustres de montante. Elas se distinguem dos manguezais pela cobertura vegetal herbáceo-graminosa, mais baixa e o aspecto geral de pântanos. Esses depósitos incluem muita matéria orgânica, com restos vegetais e conchas. Por correlação com ambientes similares descritos por Dominguez et al (1990) na costa de Pernambuco pode-se admitir que essas áreas contenham depósitos de origem lagunar-estuariana resultantes do afogamento dos vales da região costeira por transgressões marinhas quaternárias, sendo que a última mencionada por estes autores foi datada entre 5.000 - 6.000 anos atrás.

    Em resumo: está é uma área de influência de marés, competência Estadual e Federal, e também, por ser área de influência de marés precisa permanecer livre de aterros!! VAMOS TODOS PARTICIPAR! SOMOS MAIS FORTES JUNTOS!👊🏻💪🏻
    Texto by @salvemaracaipe .
    #foraarenaporto #portodegalinhas #salveoplaneta #preservacaoambiental #ecossistema #mangueevida #maracaipebeach #gopromaraca #bikeporto #salvemaracaipe #eco #meioambiente #natureza #ecologia #fauna #flora #goprobr #ecofotofernandobrito #biodiversidade
  • 15 2 19 April, 2019

Advertisements

  • Está chegando o Encontro de Educadores Ambientais da Baixada Fluminense, então, agenda aí: sábado, 27 de abril! Vamos falar sobre a educação ambiental em nossa região com foco na educação humanitária e bem estar animal. Confirme sua presença enviando seu nome completo para o e-mail ondaverde@ondaverde.org.br e garanta sua participação. Não cobramos taxa para inscrição! Local: CEFET Nova iguaçu - Estrada de Adrianópolis, 1317, Santa Rita.
  • Está chegando o Encontro de Educadores Ambientais da Baixada Fluminense, então, agenda aí: sábado, 27 de abril! Vamos falar sobre a educação ambiental em nossa região com foco na educação humanitária e bem estar animal. Confirme sua presença enviando seu nome completo para o e-mail ondaverde@ondaverde.org.br e garanta sua participação. Não cobramos taxa para inscrição! Local: CEFET Nova iguaçu - Estrada de Adrianópolis, 1317, Santa Rita.
  • 33 1 18 April, 2019
  • Super oportunidade 😉

Olá pessoal!! Segue nosso super sorteio para comemorar o Dia do Livro! No dia 23 de Abril vamos sortear 3 livros sobre sustentabilidade e meio ambiente. Vamos lá, participe e divirta-se!! Cada livro acompanhará um marcador de livro feito de papel semente, uma inovação e cortesia da Paper Plant (@plat.paper)
.
Regras do Sorteio:
1) Deixe sua resposta aqui nos comentários à seguinte pergunta: O que os livros têm em comum com as árvores?
2) Curta o post e siga nossa página.
3) Pronto, no dia 23 faremos o sorteio com todos que deixaram uma resposta aqui!
.
Título: INS3CTUM (@ins3ctum)
Autor: João Fhilype Andrade
Esse livro é uma ficção científica que aborda os grandes desafios da humanidade para as próximas décadas (ou daqui para 2050), tais como: resíduos sólidos, novas fontes de energia, aquecimento do planeta, biopirataria, extinção de espécies, inclusive de importantes polinizadores como as abelhas. Ins3ctum compreende um instigante serendipity capaz de salvar a todos da extinção e mudar para sempre a história da humanidade.
.
Título: PEGADA VERDE / 70 Passos para a Sustentabilidade 
Autora: Manú Passos (@manupassos_oficial)
Esse livro apresenta excelentes exercícios/desafios práticos e divertidos que servem para refletirmos e repensarmos sobre vários aspectos que envolvem a questão da sustentabilidade no nosso dia-a-dia e que podem transformar a nossa vida e o nosso planeta. Recomendável para todas as idades!
.
Título: O Divergente Positivo / Liderança em Sustentabilidade em Um Mundo Perverso
Autora: Sara Parkin (http://saraparkin.org/)
Esse livro aborda algumas estratégias/ferramentas que podem nos ajudar a desenvolver a capacidade/habilidade para identificar e colocar em prática "as coisas certas a se fazer", independente de onde ou em quais circunstâncias nos encontramos. 
Afinal, quem são e no que acreditam aquelas pessoas que insistem em perseguir suas convicções, acreditando que estão fazendo
.
#pickgreen #diadolivro #livros #leitura #atitude #proatividade #inovação #impactosocial #impactoambiental #preservacaoambiental #recicla #recicláveis #sustentável #coletaseletiva #colaboração #reciclagem #sustentabilidade #separeseulixo #limp
  • Super oportunidade 😉

    Olá pessoal!! Segue nosso super sorteio para comemorar o Dia do Livro! No dia 23 de Abril vamos sortear 3 livros sobre sustentabilidade e meio ambiente. Vamos lá, participe e divirta-se!! Cada livro acompanhará um marcador de livro feito de papel semente, uma inovação e cortesia da Paper Plant (@plat.paper)
    .
    Regras do Sorteio:
    1) Deixe sua resposta aqui nos comentários à seguinte pergunta: O que os livros têm em comum com as árvores?
    2) Curta o post e siga nossa página.
    3) Pronto, no dia 23 faremos o sorteio com todos que deixaram uma resposta aqui!
    .
    Título: INS3CTUM (@ins3ctum)
    Autor: João Fhilype Andrade
    Esse livro é uma ficção científica que aborda os grandes desafios da humanidade para as próximas décadas (ou daqui para 2050), tais como: resíduos sólidos, novas fontes de energia, aquecimento do planeta, biopirataria, extinção de espécies, inclusive de importantes polinizadores como as abelhas. Ins3ctum compreende um instigante serendipity capaz de salvar a todos da extinção e mudar para sempre a história da humanidade.
    .
    Título: PEGADA VERDE / 70 Passos para a Sustentabilidade
    Autora: Manú Passos (@manupassos_oficial)
    Esse livro apresenta excelentes exercícios/desafios práticos e divertidos que servem para refletirmos e repensarmos sobre vários aspectos que envolvem a questão da sustentabilidade no nosso dia-a-dia e que podem transformar a nossa vida e o nosso planeta. Recomendável para todas as idades!
    .
    Título: O Divergente Positivo / Liderança em Sustentabilidade em Um Mundo Perverso
    Autora: Sara Parkin (http://saraparkin.org/)
    Esse livro aborda algumas estratégias/ferramentas que podem nos ajudar a desenvolver a capacidade/habilidade para identificar e colocar em prática "as coisas certas a se fazer", independente de onde ou em quais circunstâncias nos encontramos.
    Afinal, quem são e no que acreditam aquelas pessoas que insistem em perseguir suas convicções, acreditando que estão fazendo
    .
    #pickgreen #diadolivro #livros #leitura #atitude #proatividade #inovação #impactosocial #impactoambiental #preservacaoambiental #recicla #recicláveis #sustentável #coletaseletiva #colaboração #reciclagem #sustentabilidade #separeseulixo #limp
  • 38 15 18 April, 2019
  • Coruja, corujinha, corujona - Feltragem "Corujinha, corujinha
Que peninha de você
Fica toda encolhidinha
Sempre olhando não sei quê

O seu canto de repente
Faz a gente estremecer
Corujinha, pobrezinha
Todo mundo que te vê
Diz assim, ah, coitadinha
Que feinha que é você

Quando a noite vem chegando
Chega o teu amanhecer
E se o sol vem despontando
Vais voando te esconder..." - Vinícius de Moraes
  • Coruja, corujinha, corujona - Feltragem "Corujinha, corujinha
    Que peninha de você
    Fica toda encolhidinha
    Sempre olhando não sei quê

    O seu canto de repente
    Faz a gente estremecer
    Corujinha, pobrezinha
    Todo mundo que te vê
    Diz assim, ah, coitadinha
    Que feinha que é você

    Quando a noite vem chegando
    Chega o teu amanhecer
    E se o sol vem despontando
    Vais voando te esconder..." - Vinícius de Moraes
  • 15 1 17 April, 2019
  • O fim do canudinho de plástico em Santa Catarina?

Deputados aprovam projeto de lei para banir uso de canudinhos plásticos em estabelecimentos comerciais de SC

A proposta aprovada por maioria de votos passará por votação da redação final ainda nesta semana. Depois, será encaminhada para análise do governador.
#plastico #canudinho #preservacaoambiental
#sustentabilida #alternativas #santacatarina
  • O fim do canudinho de plástico em Santa Catarina?

    Deputados aprovam projeto de lei para banir uso de canudinhos plásticos em estabelecimentos comerciais de SC

    A proposta aprovada por maioria de votos passará por votação da redação final ainda nesta semana. Depois, será encaminhada para análise do governador.
    #plastico #canudinho #preservacaoambiental
    #sustentabilida #alternativas #santacatarina
  • 6 0 17 April, 2019
  • #Repost @revistameubebe with @get_repost
・・・
Já está circulando a nova edição da revista com essa capa incrível e especial. Mas, se você ainda não garantiu o seu exemplar e está ansioso para ler a matéria logoooo acesse o link da revista digital aqui na bio e confira uma entrevista exclusiva com o artista @carlinhosbrownoficial . 
Ele conta tudo sobre seu novo projeto de Pertencimento Ambiental. Brown sempre atento e preocupado com as questões do meio ambiente, criou os indiozinhos Paxuá e Paramim para juntos incentivarem crianças e pais a se preocuparem e cuidarem mais do meio ambiente. Em parceria com a mestre em educação pela Universidade do Estado do Amazonas, Priscilla Morhy, eles prepararam cartilhas para os pequenos e também para os professores, mesclando literatura infantil e questões socioambientais. 
A tecnologia também está presente. Brown compôs músicas inéditas para o projeto e cada cartilha possui um QRCode que dá acesso aos clipes musicais. Os pequenos vão amar! Não vou contar mais... Acesse agora e confira a entrevista exclusiva e saiba tudo sobre esse projeto lindo e inovador!  Conheçam os personagens: @paxuaeparamim 
Foto: @dodovillar 
Entrevista: @patricia_valho e @yedacnunes 
Edição: @yedacnunes 
Make: @beespaday - @alineoliveiraaoficial 
Direção de arte: @leandromaia .
.
.

#carlinhosbrown #paxuaeparamim #revistameubebe 
#preservacaoambiental #meioambiente #infancia
  • #Repost @revistameubebe with @get_repost
    ・・・
    Já está circulando a nova edição da revista com essa capa incrível e especial. Mas, se você ainda não garantiu o seu exemplar e está ansioso para ler a matéria logoooo acesse o link da revista digital aqui na bio e confira uma entrevista exclusiva com o artista @carlinhosbrownoficial .
    Ele conta tudo sobre seu novo projeto de Pertencimento Ambiental. Brown sempre atento e preocupado com as questões do meio ambiente, criou os indiozinhos Paxuá e Paramim para juntos incentivarem crianças e pais a se preocuparem e cuidarem mais do meio ambiente. Em parceria com a mestre em educação pela Universidade do Estado do Amazonas, Priscilla Morhy, eles prepararam cartilhas para os pequenos e também para os professores, mesclando literatura infantil e questões socioambientais.
    A tecnologia também está presente. Brown compôs músicas inéditas para o projeto e cada cartilha possui um QRCode que dá acesso aos clipes musicais. Os pequenos vão amar! Não vou contar mais... Acesse agora e confira a entrevista exclusiva e saiba tudo sobre esse projeto lindo e inovador! Conheçam os personagens: @paxuaeparamim
    Foto: @dodovillar
    Entrevista: @patricia_valho e @yedacnunes
    Edição: @yedacnunes
    Make: @beespaday - @alineoliveiraaoficial
    Direção de arte: @leandromaia .
    .
    .

    #carlinhosbrown #paxuaeparamim #revistameubebe
    #preservacaoambiental #meioambiente #infancia
  • 36 0 17 April, 2019
  • Já está circulando a nova edição da revista com essa capa incrível e especial. Mas, se você ainda não garantiu o seu exemplar e está ansioso para ler a matéria logoooo acesse o link da revista digital aqui na bio e confira uma entrevista exclusiva com o artista @carlinhosbrownoficial . 
Ele conta tudo sobre seu novo projeto de Pertencimento Ambiental. Brown sempre atento e preocupado com as questões do meio ambiente, criou os indiozinhos Paxuá e Paramim para juntos incentivarem crianças e pais a se preocuparem e cuidarem mais do meio ambiente. Em parceria com a mestre em educação pela Universidade do Estado do Amazonas, Priscilla Morhy, eles prepararam cartilhas para os pequenos e também para os professores, mesclando literatura infantil e questões socioambientais. 
A tecnologia também está presente. Brown compôs músicas inéditas para o projeto e cada cartilha possui um QRCode que dá acesso aos clipes musicais. Os pequenos vão amar! Não vou contar mais... Acesse agora e confira a entrevista exclusiva e saiba tudo sobre esse projeto lindo e inovador!  Conheçam os personagens: @paxuaeparamim 
Foto: @dodovillar 
Entrevista: @patricia_valho e @yedacnunes 
Edição: @yedacnunes 
Make: @beespaday 
Direção de arte: @leandromaia 
#carlinhosbrown #paxuaeparamim #revistameubebe 
#preservacaoambiental #meioambiente #infancia
  • Já está circulando a nova edição da revista com essa capa incrível e especial. Mas, se você ainda não garantiu o seu exemplar e está ansioso para ler a matéria logoooo acesse o link da revista digital aqui na bio e confira uma entrevista exclusiva com o artista @carlinhosbrownoficial .
    Ele conta tudo sobre seu novo projeto de Pertencimento Ambiental. Brown sempre atento e preocupado com as questões do meio ambiente, criou os indiozinhos Paxuá e Paramim para juntos incentivarem crianças e pais a se preocuparem e cuidarem mais do meio ambiente. Em parceria com a mestre em educação pela Universidade do Estado do Amazonas, Priscilla Morhy, eles prepararam cartilhas para os pequenos e também para os professores, mesclando literatura infantil e questões socioambientais.
    A tecnologia também está presente. Brown compôs músicas inéditas para o projeto e cada cartilha possui um QRCode que dá acesso aos clipes musicais. Os pequenos vão amar! Não vou contar mais... Acesse agora e confira a entrevista exclusiva e saiba tudo sobre esse projeto lindo e inovador! Conheçam os personagens: @paxuaeparamim
    Foto: @dodovillar
    Entrevista: @patricia_valho e @yedacnunes
    Edição: @yedacnunes
    Make: @beespaday
    Direção de arte: @leandromaia
    #carlinhosbrown #paxuaeparamim #revistameubebe
    #preservacaoambiental #meioambiente #infancia
  • 143 12 17 April, 2019
  • Desta vez não vamos falar de lixo ou impacto ambiental dos plásticos descartáveis, vamos falar de natureza e de preservação ambiental. 
Esta é a “Semana de Estudos para a Proteção dos Papagaios e demais Psitacídeos Brasileiros” 🦜🤗 Denuncie o comércio e posse ilegal de animais junto à Polícia Militar Ambiental  0800-618080
Na foto o papagaio-moleiro, ave símbolo de Ilhabela, novamente declarado ameaçado de extinção no Estado de SP😫

O tráfico de animais silvestres no mundo movimenta 23 bilhões de dólares por ano, de acordo com a ONU. Estima-se que o Brasil seja respo nsável por 2,5 bilhões dessa conta. 
Não colabore para aumentar este número: conscientize-se sobre o estado da fauna nativa do Brasil e denuncie o comércio e a posse ilegais de animais – ligue 0800-618080. 
Faça a sua parte pela natureza e por um país melhor! #SemanaDosPsitacídeos #PapagaiosDoBrasil (Foto: Marina Somenzari)

MEU COPO ECO ILHABELA, um gesto de amor pela ilha.

A VIDA MARINHA NÃO É DESCARTÁVEL.

ADOTE UM COPO REUTILIZÁVEL MEU COPO ECO VOCÊ TAMBÉM. 
NÃO USE DESCARTÁVEIS.

MEU COPO ECO primeira empresa nacional parceira oficial da CAMPANHA MARES LIMPOS - ONU MEIO AMBIENTE.

MEU COPO ECO vencedora do PRÊMIO LIXO ZERO 2018 realizado pelo INSTITUTO LIXO ZERO BRASIL. 
Personalize copos reutilizáveis MEU COPO ECO você também, faça seu pedido via FACEBOOK @meucopoecolitoralnortesp ou Whatsapp 11.98201.0300 - Rua Gerson Peres de Araújo, 65, Barra Velha, Ilhabela, litoral norte SP., entregamos em todo BRASIL.

#naosejadescartavel 
#sejavoceamudanca 
#amudancanasuamao 
#leveseucopoecodecasa 
#atitudeconsciente 
#preservacaoambiental 
#mareslimpos 
#avidamarinhanãoédescartável 
#ilhabelasemdescartáveis 
#litoralnortespsemdescartaveis 
Facebook & INSTAGRAM @meucopoecolitoralnortesp
  • Desta vez não vamos falar de lixo ou impacto ambiental dos plásticos descartáveis, vamos falar de natureza e de preservação ambiental.
    Esta é a “Semana de Estudos para a Proteção dos Papagaios e demais Psitacídeos Brasileiros” 🦜🤗 Denuncie o comércio e posse ilegal de animais junto à Polícia Militar Ambiental 0800-618080
    Na foto o papagaio-moleiro, ave símbolo de Ilhabela, novamente declarado ameaçado de extinção no Estado de SP😫

    O tráfico de animais silvestres no mundo movimenta 23 bilhões de dólares por ano, de acordo com a ONU. Estima-se que o Brasil seja respo nsável por 2,5 bilhões dessa conta.
    Não colabore para aumentar este número: conscientize-se sobre o estado da fauna nativa do Brasil e denuncie o comércio e a posse ilegais de animais – ligue 0800-618080.
    Faça a sua parte pela natureza e por um país melhor! #SemanaDosPsitacídeos #PapagaiosDoBrasil (Foto: Marina Somenzari)

    MEU COPO ECO ILHABELA, um gesto de amor pela ilha.

    A VIDA MARINHA NÃO É DESCARTÁVEL.

    ADOTE UM COPO REUTILIZÁVEL MEU COPO ECO VOCÊ TAMBÉM.
    NÃO USE DESCARTÁVEIS.

    MEU COPO ECO primeira empresa nacional parceira oficial da CAMPANHA MARES LIMPOS - ONU MEIO AMBIENTE.

    MEU COPO ECO vencedora do PRÊMIO LIXO ZERO 2018 realizado pelo INSTITUTO LIXO ZERO BRASIL.
    Personalize copos reutilizáveis MEU COPO ECO você também, faça seu pedido via FACEBOOK @meucopoecolitoralnortesp ou Whatsapp 11.98201.0300 - Rua Gerson Peres de Araújo, 65, Barra Velha, Ilhabela, litoral norte SP., entregamos em todo BRASIL.

    #naosejadescartavel
    #sejavoceamudanca
    #amudancanasuamao
    #leveseucopoecodecasa
    #atitudeconsciente
    #preservacaoambiental
    #mareslimpos
    #avidamarinhanãoédescartável
    #ilhabelasemdescartáveis
    #litoralnortespsemdescartaveis
    Facebook & INSTAGRAM @meucopoecolitoralnortesp
  • 15 0 17 April, 2019
  • Família coruja - Feltragem R$30,00
As corujas simbolizam sabedoria e inteligência! "Corujinha, corujinha
Que peninha de você
Fica toda encolhidinha
Sempre olhando não sei quê

O seu canto de repente
Faz a gente estremecer
Corujinha, pobrezinha
Todo mundo que te vê
Diz assim, ah, coitadinha
Que feinha que é você

Quando a noite vem chegando
Chega o teu amanhecer
E se o sol vem despontando
Vais voando te esconder..." - Vinícius de Moraes
  • Família coruja - Feltragem R$30,00
    As corujas simbolizam sabedoria e inteligência! "Corujinha, corujinha
    Que peninha de você
    Fica toda encolhidinha
    Sempre olhando não sei quê

    O seu canto de repente
    Faz a gente estremecer
    Corujinha, pobrezinha
    Todo mundo que te vê
    Diz assim, ah, coitadinha
    Que feinha que é você

    Quando a noite vem chegando
    Chega o teu amanhecer
    E se o sol vem despontando
    Vais voando te esconder..." - Vinícius de Moraes
  • 27 5 17 April, 2019
  • Quais as tendências de comportamento ganharam importância nos últimos anos?
⠀
Eco-Cidadania: “Modificando o meu comportamento para reduzir o meu impacto pessoal sobre o meio ambiente.”
⠀
Consumo Consciente: Cresce nos últimos anos a preocupação do consumidor com o impacto ambiental daquilo que está consumindo. Consumidores leem rótulos buscando informações relacionadas à sustentabilidade.
⠀
O estudo feito pela GFK aponta direções importantes para as empresas. Essas tendências mostram que há uma grande oportunidade para apropriarem cada vez mais do discurso “verde” em suas marcas e embalagens que certamente são canais essenciais de comunicação com o consumidor.
⠀
São 41% dos consumidores que acham que as empresas devem fornecer produtos e serviços de qualidade e 40% acham que as empresas devem ser ambientalmente responsáveis.
⠀
Há claros sinais no comportamento dos consumidores. As marcas que ajudarem a propagar a voz da “onda verde” certamente serão mais consideradas pelos consumidores nas tomadas de decisão.
⠀
As empresas podem elevar a discussão de conscientização ambiental com o consumidor mostrando os benefícios de consumir produtos que reduzam o impacto ambiental.
⠀
http://www.greenfarmco2free.com.br/
⠀
#natureza #nature #brasil #fauna #animals #animal #flora #plants #garden #farm #green #forest #preservacao #greenfarmco2free #greenfarm #co2free #sustentabilidade #empresasustentável #co2 #ecologia #marketingverde #ecossistema #biodiversidade #meioambiente #neutralizacaodecarbono #preservacaoambiental #atitudelimpa #certificaoambiental #water #cleanwater
  • Quais as tendências de comportamento ganharam importância nos últimos anos?

    Eco-Cidadania: “Modificando o meu comportamento para reduzir o meu impacto pessoal sobre o meio ambiente.”

    Consumo Consciente: Cresce nos últimos anos a preocupação do consumidor com o impacto ambiental daquilo que está consumindo. Consumidores leem rótulos buscando informações relacionadas à sustentabilidade.

    O estudo feito pela GFK aponta direções importantes para as empresas. Essas tendências mostram que há uma grande oportunidade para apropriarem cada vez mais do discurso “verde” em suas marcas e embalagens que certamente são canais essenciais de comunicação com o consumidor.

    São 41% dos consumidores que acham que as empresas devem fornecer produtos e serviços de qualidade e 40% acham que as empresas devem ser ambientalmente responsáveis.

    Há claros sinais no comportamento dos consumidores. As marcas que ajudarem a propagar a voz da “onda verde” certamente serão mais consideradas pelos consumidores nas tomadas de decisão.

    As empresas podem elevar a discussão de conscientização ambiental com o consumidor mostrando os benefícios de consumir produtos que reduzam o impacto ambiental.

    http://www.greenfarmco2free.com.br/

    #natureza #nature #brasil #fauna #animals #animal #flora #plants #garden #farm #green #forest #preservacao #greenfarmco2free #greenfarm #co2free #sustentabilidade #empresasustentável #co2 #ecologia #marketingverde #ecossistema #biodiversidade #meioambiente #neutralizacaodecarbono #preservacaoambiental #atitudelimpa #certificaoambiental #water #cleanwater
  • 32 1 17 April, 2019
  • Durante sua longa existência, cada tartaruga marinha leva e traz toneladas de nutrientes e energia vital à sobrevivência de tantas outras formas de vida. Proteger as tartarugas marinhas é, portanto, preservar a vida marinha, garantir a sobrevivência do planeta e da humanidade.

Parceiro e apoio: @jhonnicabral 
#praiadegaibu #tartarugas #preservacaoambiental #salveastartarugas
  • Durante sua longa existência, cada tartaruga marinha leva e traz toneladas de nutrientes e energia vital à sobrevivência de tantas outras formas de vida. Proteger as tartarugas marinhas é, portanto, preservar a vida marinha, garantir a sobrevivência do planeta e da humanidade.

    Parceiro e apoio: @jhonnicabral
    #praiadegaibu #tartarugas #preservacaoambiental #salveastartarugas
  • 56 13 17 April, 2019